CapaCapa
TextosTextos
ÁudiosÁudios
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Adriane Neves
Minha árvore com seus galhos poéticos.
Textos

Percorre
Percorro os dedos entre livros, entre teclas alfanuméricas, entre páginas que dizem-me espirituais
Percorro meus olhos entre árvores, galhos, crianças, animais
Sinto a poesias percorrer minhas veias, meus olhos e ouvidos
Mas ela não percorre para uma página em branco
Talvez por que esta, seja unicamente para mim
Um adeus ao medo e absurdos
Esta é somente para mim
A que recusa-se expor
A que arranca-me o alivio, com seu breve toque de: relaxa, estou aqui.
Poesias, que brincam com meu coração, que queima-se na acesa vela de desejos e súplicas
Que desta vez, não quer aparecer.
Adriane Neves
Enviado por Adriane Neves em 02/05/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários