CapaCapa
TextosTextos
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Adriane Neves
Minha árvore com seus galhos poéticos.
Textos

Tudo que vive, sonha!
Hoje não sonhei meu sonho
Acho que ele bateu asas e repousou em outros ombros
Talvez seja a minha forma de querê-lo

Assim na minha mente vazia
Que toda hora troca a cena
Ou um tape do Almodôvar

Beijo meus sonhos
Balanço na mais alta árvore que existe
Cerco-o de flores

Mas ele também gosta
De inventar e reinventar
O meu sonho também tem outro sonho
Adriane Neves
Enviado por Adriane Neves em 27/11/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários