Textos

Êh mar aberto
O mundo é
Os olhos do criador
A tua presença é
O que me leva
A quebrar as regras
Abrir caminhos
Para fortificar
Antes do problema chegar
Já morávamos aqui
Sem nada reprimido
Nos transformamos
Em lágrimas
Para sair dos olhos
E conhecer
Outros mundos
Mas e agora?
Para voltar
Tem que lembrar do amor
Tem que dançar o corpo
Tem que sentir a voz do outro
Deixar a casa cheirando
O tempero singular
Êh mar aberto
Que estou a navegar
Faminta
Êh mar aberto
Cheio de lágrimas revoltas
Querendo virar uma só
Adriane Neves
Enviado por Adriane Neves em 05/06/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários