Textos

Descansar
Soltar as mãos
Cravar no coração
Quando deitar a cabeça
Vê a pele macia
O cheiro que o cabelo trazia
A testa franzia
Pois sabia
Que lá vinha história
E riso
Abrigo bom
É o colo teu
Chuva boa é
Teus dedos a correr
Meu corpo inteiro
Eu sinto o gosto do tempo
Diz ele que faz muito
Mas só penso no muito
Que desejo
Parece que foi hoje de manhã
Parece que foi ontem a noite
Adriane Neves
Enviado por Adriane Neves em 13/08/2019
Alterado em 14/08/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários